Você está em King Koil

Aguarde o carregamento da página!

open-menu

Menu

- Dicas - Colchões

Saiba como escolher o colchão ideal para o seu corpo


Escolher o colchão ideal vai muito além do tamanho e valor

O sono desempenha um papel fundamental em nossas vidas. Responsável pelo bem-estar do corpo durante o cotidiano, a escolha do colchão ideal necessita de muito estudo e cautela para evitar problemas de saúde. Poucos sabem, mas ter em mente o peso, altura, densidade do colchão, espessura do colchão e tamanho da cama são fatores decisivos na hora da compra.

Segundo o estudo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), uma pessoa de 71 anos passou, pelo menos, 23 anos dormindo. Agora imagine ficar todo esse tempo deitado em um material que não condiz com seu biótipo ou necessidades específicas. O colchão ideal é indispensável.

colchão ideal

O que prestar atenção na escolha do colchão ideal

Não esqueça de verificar a densidade da espuma. Quanto maior for, significa que mais espuma foi utilizada e, consequentemente, mais peso o colchão suportará. Algumas pessoas necessitam de materiais mais duros/maleáveis por problemas de saúde, então, é indispensável olhar esse detalhe na compra do colchão ideal.

No caso de casais, o colchão ideal vai ser aquele que aguenta um peso maior, levando em consideração que duas pessoas estarão deitadas durante um período médio de 8 horas diárias no material.

Outro ponto importante é o “modo” que você dorme. Muitas pessoas se mexem demais, trocam de lado constantemente ou são sonâmbulos. Nestes casos, o colchão ideal é aquele mais firme, estável e que tenha uma densidade exata em toda a superfície do produto.

Muitas lojas dispõem de uma tabela com o a densidade e medidas exatas para cada biotipo, por isso, sanar todas as dúvidas no momento da compra é essencial.

>>>VOCÊ TEM MUITA ALERGIA? ENTÃO FIQUE DE OLHO NO SEU COLCHÃO!<<<

A qualidade do sono depende do conjunto

O colchão não trabalha sozinho, por isso, entender que base, colchão e travesseiros precisam estar de acordo com as necessidades. No caso dos travesseiros, eles devem alinhar a coluna cervical e tronco, evitando problemas nas costas, garantindo assim, uma noite de sono tranquila.

Antes de tudo, verifique se o material tem o selo do INMETRO, que garante os padrões necessários dos colchões e travesseiros. No caso de pessoas que já apresentam problemas de saúde, sempre consultar um ortopedista para encontrar o colchão ideal.

Colchões não duram para toda a vida

colchão ideal

Saber o material utilizado na produção do colchão é determinante. Atualmente, os modelos de espuma disponíveis no mercado duram em média oito anos, enquanto os de mola mantêm a qualidade original, em alguns casos, durante 15 anos. Há também aqueles feitos de viscoelástico, porém, por serem desenvolvidos com uma tecnologia avançada, o preço não é um dos mais convidativos.

Cada material foi desenvolvido focando nas necessidades específicas de cada pessoa, por isso, não caia na propaganda do “melhor colchão do mundo”, já que o perfeito para um, pode não ser para você.

Fuja dos colchões usados

Não apenas pela vida útil do material e desgaste natural, os colchões usados podem carregar alguns perigos invisíveis ao olho nu, como bactérias, microrganismos, poeira e resíduos orgânicos. Dificilmente o colchão que era ideal para outra pessoa será ideal para você, uma vez que o material se adapta ao corpo nos primeiros três meses de uso.

Sem os devidos cuidados, a busca pela economia na compra do colchão ideal pode se transformar, literalmente, em um pesadelo. Por isso, consulte uma loja referência no mercado com profissionais experientes.

Postado em 12/11/2018

- Colchão - Colchão Ideal - Seu Corpo