Você está em King Koil

Aguarde o carregamento da página!

open-menu

Menu

- Dicas

Como o seu colchão pode ajudar a aliviar a ansiedade na quarenta?


O isolamento social causado pelo coronavírus tem afetado drasticamente a rotina das pessoas. A consequência é uma população mais estressada, depressiva e ansiosa. Para se ter uma ideia, antes do COVID-19, o Brasil já era o país mais ansioso do mundo (18 milhões de pessoas conviviam com o transtorno) e agora as crises de ansiedade na quarentena devem aumentar ainda mais.

A ansiedade gera sintomas psicológicos e físicos, alguns deles são: nervosismo constante, sensação de que algo ruim vai acontecer, dificuldade em se concentrar, problemas para dormir, coração disparado, dor ou aperto no peito, falta de ar, tremores no corpo, boca seca, tensão muscular e até dor de barriga.

Você está com esses sintomas e sofrendo com a ansiedade na quarentena? Nós queremos te ajudar, indicando algumas formas de controlar os seus pensamentos e sentimentos no lugar mais confortável da sua casa: a sua cama! Confira as nossas dicas:

Se distrair

Controlar os pensamentos durante as crises de ansiedade pode ser um desafio, mas vale a pena tentar, encontrando formas de se distrair. Filmes, livros e séries são ótimos para isso. Encontre uma opção que prenda a sua atenção e te faça esquecer de todo o resto. O ideal é que o conteúdo não envolva doenças, vírus e outros assuntos que você consiga relacionar com os problemas atuais.

Dormir bem

Ter uma noite de sono tranquila está sendo difícil até para quem não tem crise de ansiedade. Ainda assim, é preciso encontrar formas de relaxar e dormir melhor. Algumas dicas são evitar os noticiários e ficar longe do celular pelo menos uma hora antes de pegar no sono.

Você também vai dormir melhor, se o seu quarto estiver quieto, escuro, limpo e, principalmente, se tiver um bom colchão. Então, organize o espaço em prol das suas horas de descanso. Por fim, prepare um cházinho quente antes de se deitar, ele vai te ajudar a relaxar e dar uma sensação de conforto e bem-estar.

Criar uma rotina

Os tempos mudaram e talvez você precise mudar também. Se a sua rotina não se adapta mais ao momento que estamos vivendo, não hesite em criar uma nova. Observe o seu sono, a sua produtividade, os horários dos seus filhos.

Talvez, para dar conta de tudo, você precise dormir mais cedo e, assim, aproveitar mais a manhã. Se esta for a solução, se organize para conseguir repousar algumas horas antes. O importante é não sacrificar o seu sono e tentar evitar ao máximo que tarefas acumuladas ou a falta de organização com as atividades diárias gere ainda mais ansiedade neste período.

DICA: Embora passar o dia na cama seja tentador, evite trabalhar ou ficar o dia todo de pijama no seu colchão. Deixe o conforto da cama para as horas de descanso e lazer.

Fazer exercícios de respiração

Parece bobagem, mas é a mais pura realidade: controlar a respiração é uma das melhores formas de conter a crise de ansiedade. Isso acontece porque, quando respiramos corretamente, conseguimos nos acalmar e reorientar os pensamentos.

Você pode procurar técnicas de respiração na internet e realizá-las ao se deitar e também logo que acordar, antes de sair da sua cama. Assim, você terá uma noite mais tranquila e começará o dia se sentindo melhor. Repita os exercícios ao longo do dia, sempre que se sentir ansioso.

Outras dicas

Além dos momentos de qualidade junto ao seu colchão, há várias outras formas de amenizar a ansiedade na quarenta. Praticar exercícios, filtrar as informações que você consome, ter atividades de lazer e manter o contato com a sua família e amigos são algumas delas.

Se ainda assim os sintomas forem muito intensos e constantes, converse com um psicólogo. Ele saberá como te ajudar a superar a ansiedade na quarentena da melhor forma possível.

Para dormir bem e curtir os momentos de relaxamento e lazer na cama, conte com a King Koil. Trabalhamos com diferentes modelos e tamanhos de colchões e, com certeza, um deles será o ideal para te ajudar a passar por este momento com mais tranquilidade.

Postado em 29/04/2020

- Colchão - Ansiedade - Quarentena - Coronavírus - COVID-19 - Dormir Bem